O peso do amor

Por |2018-07-05T23:44:40+00:00jul 05, 18|

103,8. Esse foi o número que eu vi, cerca de 10 minutos atrás. Não era a sintonia da rádio que eu ouvia no carro, não. Era o peso do meu corpo em cima da balança. Certa vez, lá pelos 17 anos, eu alcancei os 74 quilos. Foi o auge do meu corpo. Eu, que nunca

O amor que sustenta

Por |2018-06-26T23:59:52+00:00jun 26, 18|

O frio na barriga uma hora vai sumir. Não é que você não veja mais graça nele, mas deixa de ser novidade. E tudo bem, a gente gosta que ele volte todos os dias pro mesmo lugar. Mas pode ser que você sinta falta daquelas borboletas no estômago e comece a suspeitar que o encanto

Nem uma a menos

Por |2018-06-20T19:14:01+00:00jun 20, 18|

Eu tive uma filha mulher. O mundo é muito injusto e desonesto com as mulheres. E se não for eu a lutar por um mundo melhor para a minha filha, quem será? Me tornei aquele tipo de pessoa que celebra cada pequeno ato de feminismo. Cada pequena vitória vale a luta e cada pequeno esforço